A informática pode ser entendida como artefato do saber, por ser beneficiar o estudo, isto porque ela é uma ciência criada pelo homem para agilizar a organização de informações. Para maior proveito em estudos em geral.

Esta ciência, para chegar onde está, sofreu grandes processos de mudanças de seus sistemas. Na pré-história o homem não sabia escrever, ler ou contar. Devido ao aumento das civilizações, através de estudos tentou-se sempre desenvolver técnicas melhores. O primeiro instrumento utilizado para auxiliar os cálculos foi o Ábaco, usado pelos chineses há 2.000 mil anos. O primeiro computador foi construído no final da década de 40, se chamava ENIAC, e possuía 18.000 válvulas. Com o avanço tecnológico o homem desenvolve melhor sua inteligência.

A informática pode ser entendida como artefato que beneficia o estudo, um artefato do saber, isto porque ela é uma ciência criada pelo homem para agilizar a organização de informações.
Fonte: Pixarbay

O Estudo como parte da cooperação Informática X Pedagogia

Um exemplo de cooperação deste avanço é a introdução da informática nas áreas pedagógicas, trazendo muitos benefícios tanto no estudo quanto no ensino. Como já podemos ver, a questão principal, é formar uma metodologia de ensino visando esclarecer as noções básicas, suas utilidades e avanços. Pois estes métodos penetram cada vez mais nos setores da atividade humana. Nas escolas, os computadores auxiliam os alunos a aprender, dando-os mais motivação. Outro ponto muito importante é a influência que a informática traz para o autodidatismo. Nos países de primeiro mundo as crianças estão passando a estudar em casa através de programas de computador que ensinam, ajudam nos deveres e tiram dúvidas de assuntos diversos.

Receba as principais novidades sobre inversão existencial

Em um futuro próximo, pequenos dispositivos que imitam vida inteligente, os neurônios de silício, que na verdade são chips de computador capazes de entender ordens verbais, reconhecimento de manuscritos ou de rostos das pessoas e em seguida tomar decisões mais rapidamente do que faz atualmente um super computador, serão amplamente usados. Outro talento básico que estes neurônios possuem é a capacidade de separar estímulos que recebem, levando em conta apenas os que são importantes para uma determinada tarefa. É a lei do progresso. É a Evolução.

REFERÊNCIAS

  1. DE BARROS, J. C. Dalledone. Informática e Educação. Ed. Scipione.
  2. ULLMO, Jean; PAGES, J.C. A Revolução da Informática. Ed. Paz e Terra, 1970.
  3. REVISTA Ciência Hoje. Vol. 13; N° 77; outubro/ novembro, 1991.
  4. REVISTA Exame Informática. Fevereiro, 1992; Ed. Abril; p. 60, 61.
  5. APOSTILA Curso Ltda. Introdução à Informática. 1992; p. 4-7.