Você já ouviu falar em projeção astral? Conhece o fenômeno em que a consciência se manifesta fora do corpo físico? Já pensou em ajudar pessoas enquanto seu corpo dorme, com a experiência fora do corpo

projeção da consciência
Fonte: Google Imagens

A projeção astral, ou como é chamada na ciência Conscienciologia, a projeção da consciência fora do corpo físico, é conhecida por diversos nomes e em variadas linhas de conhecimento. É comum ser referida por nomes como: viagem astral, desdobramento, saída do corpo, experiências fora do corpo físico ou passeio no além. 

Durante muitos séculos este fenômeno foi relatado e estudado em linhas de conhecimento ligadas ao misticismo e à religião, passando a ser tratada de forma científica há poucas décadas, em especial a partir da publicação em 1986 de um tratado dedicado exclusivamente ao estudo da projeção consciente, chamada Projeciologia: Panorama das Experiências da Consciência fora do Corpo Humano, de autoria do professor, médico e pesquisador Waldo Vieira (propositor da Conscienciologia).

O fenômeno da experiência fora do corpo é estudado pela ciência Projeciologia, uma especialidade da Conscienciologia (ciência que estuda a consciência integralmente), por este paradigma, o fenômeno é natural, fisiológico e pode ocorrer de forma voluntária ou involuntariamente. 

Por ser um processo fisiológico, naturalmente ao dormir, ocorre a soltura do energossoma (corpo energético que conecta os corpos) e do psicossoma (corpo extrafísico). Com essa soltura energética, o psicossoma se descoincide do corpo f´ísico ocasionando a projeção da consciência.

As projeções conscientes são possíveis de ocorrerem para qualquer pessoa, em qualquer idade, embora nem sempre lúcida, e nem sempre relembrada, quando a pessoa volta para o corpo e acorda. Muitas pessoas saem do corpo, interagem com outras consciências, vivenciam experiências em ambientes na dimensão extrafísica e não se dão conta, não lembram. 

Outras vezes, o psicossoma pode ficar projetado flutuando logo acima do corpo físico, em uma faixa energética chamada faixa de atividade do cordão de prata, sem consciência e sem sair dali, perdendo a oportunidade de ter experiências relevantes fora do corpo.

Diferença entre projeção consciente e sonho

A projeção consciente pode ser lembrada e confundida com sonhos muitas vezes, mas é importante destacar que o sonho é apenas um processo mental e onírico do cérebro, onde não existe realismo e as opções de escolhas são limitadas, ou seja, não há um raciocínio lógico e nem ordem. Já no caso da projeção consciente, os eventos ocorrem de forma lógica, realista, com capacidade de escolha e controle, assim como na vigília física (principalmente se a experiência for de maior lucidez). 

Existem fatores que podem ajudar na hora de diferenciar e identificar se passamos por uma projeção consciente ou um simples sonho, como:

Sensação de voar: há uma relação bastante comum entre sensações de estar voando durante o sono e a ocorrência de projeções conscientes;

Interação com pessoas: interagir de forma lógica com consciências pode indicar experiência fora do corpo, a interação pode ser com outras pessoas projetadas ou consciências extrafísicas, conhecidas ou não;

Sensação de flutuar: antes de adormecer, se deparar com sensação de soltura do corpo, como se estivesse leve e balançando pode indicar a sinalética projetiva (conjunto de sinais que antecedem a experiencia fora do corpo);

Sensação de cair: em estado entre o sono e a vigília (antes de dormir ou logo após acordar) ter sensação de que houve uma queda de altura grande, gerando susto e acordando no corpo físico;

Sensação de sentir o corpo vibrar: ao acordar sentir o corpo em estado de vibração leve ou intensa;

Raciocínio: durante o sonho, fazer escolhas, pensar, raciocinar (durante o sonho lúcido ou projeção semiconsciente), pode indicar projeção;

Ordem lógica: perceber o sonho seguido de uma ordem cronológica razoavelmente lógica, com sequência de tempo e acontecimentos;

Percepção de ambiente: durante o sonho observar o ambiente e os acontecimentos ao redor, com nível maior de atenção, discernimento e memória.

Se você já percebeu uma ou mais dessas experiências, provavelmente não foi um sonho, mas sim uma projeção da consciência.

Observar esses fatores ajuda a distinguir entre um sonho ou uma experiência fora do corpo, e conforme a pessoa treina, aplica técnicas e se interessa pelo assunto, maior é a possibilidade de aumentar a lucidez. O aumento da lucidez permite que as experiências sejam mais reais e confirma dando certeza íntima de que a experiência foi uma projeção.

O objetivo de atingir lucidez e projetar-se para fora do corpo físico é muito pesquisado, e existem técnicas para isto, dentre as técnicas projetivas é possível utilizar o controle do próprio sonho para ganhar lucidez e passar de um sonho lúcido para uma experiência consciente fora do corpo. 

A dedicação e a força de vontade para a realização da projeção da consciência podem ocasionar com maior frequência alguns fenômenos projetivos.

Conheça 5 exemplos comuns de fenômenos projetivos

Alguns dos fenômenos parapsíquicos que ocorrem durante a projeção da consciência podem ser analisados para aumentar os conhecimentos acerca da Projeciologia e confirmar a experiência projetiva. A seguir, 5 exemplos de fenômenos comuns que podem ocorrer fora do corpo físico:

1. Autobilocação consciencial. Fenômeno de a consciência projetada de psicossoma, ainda próxima ao corpo físico, ver o próprio corpo adormecido. Passar pela experiencia de ver seu próprio corpo cara a cara pode ser impactante para reconhecer sem dúvidas a realidade multidimensional;

2. Catalepsia projetiva. Estado de a consciência sentir rigidez do corpo físico, sensação de pressão sob o corpo, respiração lenta e imobilidade, este fenômeno se dá quando o soma e o psicossoma estão ligeiramente desconectados, e a consciência não consegue mover o corpo físico. Fenômeno comumente relatado em filmes e por pessoas com teor de medo quando desconhecem as informações sobre a existência multidimensional;

3. Experiência da quase-morte (EQM). Experiência involuntária ocasionada por acidentes, doenças ou demais fatores externos que ocasionam a fronteira com a dessoma (descarte do soma, morte biológica), fenômeno muito relatado em filmes, documentários e estudado pela medicina. Pessoas que passam pelo fenômeno tendem a relatar mudança brusca do paradigma de vida, revendo sua forma de viver até o ocorrido; 

4. Intuição extrafísica. Fenômeno de clareza e percepção instantânea, advindo de súbita ideia, verdade ou fato, de situações que ocorreram, ocorrem, vão ocorrer, ou ações a tomar, sem passar por processo racional de ponderação, quando em estado de experiência fora do corpo físico. Esta intuição auxilia na tomada de decisões quando a consciência está projetada, devido a clareza de informações;

5. Retrocognição extrafísica. Fenômeno onde a consciência projetada percebe informações de fatos, objetos, cenas, ideias e vivências passadas, permitindo com que relembre de suas vivências ou de vivências alheias. Este fenômeno contribui para a autopesquisa ou para a assistência de consciências, compreendendo melhor o que ocorre devido a processos que já ocorreram.

Esses fenômenos projetivos podem servir como ampliador da lucidez e de confirmação intima quanto a veracidade da experiência, ficando a critério da pessoa analisar com criticidade o ocorrido. 

Você se recorda de vivenciar algum desses fenômenos?

Projeção consciente e Multidimensionalidade

Na experiência fora do corpo físico, a consciência se manifesta com o psicossoma em outra dimensão, mais sutil, pois seu corpo humano permanece na dimensão física. 

Em algumas experiências, ao se projetar é possível enxergar seu corpo físico dormindo (autobilocação consciencial), porém, essa consciência projetada não é vista por quem está no intrafísico (dentro do corpo humano). Isso se dá devido as diferentes dimensões, que podem ser melhor compreendidas levando em consideração que possuímos 4 corpos de manifestação, conjunto chamado de Holossoma

O Holossoma é composto pelos seguintes corpos:

1. Soma: corpo físico, humano, onde a consciência se manifesta na dimensão mais densa que conhecemos, onde existem as ciências que estudam o corpo humano e diversas linhas de conhecimento (medicina, psicologia etc.), manifestadas na dimensão material.

2. Psicossoma: corpo das emoções, perispírito, alma, onde se manifestam mais comumente as consciências que saem do corpo físico, para a dimensão extrafísica, e as consciências extrafísicas, que passaram pela morte biológica descartando o corpo físico e manifestando-se apenas de psicossoma e mentalsoma.

3. Energossoma: corpo energético, este corpo conecta os demais corpos ao físico, é o corpo energético que pode ser movimentado a fim de gerar a soltura dos corpos, proporcionando a saída do psicossoma para fora do soma. O cordão de prata pertence a este corpo energético.

4. Mentalsoma: corpo mental, sendo o mais sutil que conhecemos, ele está livre das emoções do psicossoma e das limitações do soma, é possível se manifestar em uma projeção de corpo mental, onde há melhor clareza, cognição e discernimento.

Para cada um dos corpos, há pelo menos uma dimensão que possibilite a manifestação do respectivo corpo. 

Levando em consideração que a consciência se manifesta em outras dimensões, com diferentes corpos, e que mesmo após a morte biológica a consciência continua utilizando de outro corpo, chegamos à conclusão da imortalidade da consciência. É por este motivo que ao ter uma experiência de projeção consciente, é possível encontrar com pessoas que já dessomaram.

A projeção consciente comprova para o praticante a existência da multidimensionalidade, principalmente se ele tiver uma experiência lúcida, com alto grau de discernimento, percepção e clareza quanto a dimensão que se encontra, em plena consciência de estar fora do corpo físico.

Benefícios da projeção consciente na invéxis

A técnica da inversão existencial (INVÉXIS) é proposta pela Conscienciologia e propõe o aproveitamento máximo da vida, desde a juventude, a partir do planejamento e de uma série de posturas que permitem que a missão de vida seja executada, sem perca de oportunidades. Leia mais sobre em: O que é Invéxis?.

Embora a projeção consciente seja uma experiência acessível para qualquer consciência independentemente da faixa etária, e que é capaz de ser produtiva e auxiliar em nova compreensão para qualquer pessoa que a vivencie lucidamente, quanto mais jovem a consciência e mais experiências tiver, mais proveitosas podem ser as oportunidades para a sua vida.

Vivenciar as projeções conscientes auxilia o jovem a desenvolver desde cedo a familiaridade com a multidimensionalidade (existência de variadas dimensões), permite o contato com consciências extrafísicas amparadoras, e a rememoração de experiências anteriores a vida humana atual, possibilitando inclusive o acesso a informações sobre sua programação existencial desenvolvida durante a última intermissão (período extrafísico entre duas vidas intrafísicas).

Acompanhe alguns dos principais benefícios da projeção consciente na juventude:

Abertismo consciencial: percepção maior quanto a multidimensionalidade, compreensão do universalismo e evolução das consciências, o que esclarece quanto a necessidade de estudo além da visão materialista. Essa visão desde a juventude possibilita maior tempo para a consciência implementar em sua vida a vivência do paradigma consciencial;

Superação do medo da morte: ao passar pela experiência fora do corpo e ter contato com consciências extrafísicas – ou consciexes, a pessoa pode confirmar para si mesma a continuidade da vida além da morte biológica, compreendendo o processo multidimensional de evolução e optar pela assistência desde cedo; 

Superação do medo de consciexes: a consciência ao se projetar tem experiências com consciências extrafísicas, ou seja, que já passaram pela morte biológica, eliminando o que popularmente se conhece como o medo de espíritos;

Assistência: praticar a assistência de forma precoce é um dos objetivos da técnica da inversão existencial, começando desde a juventude, sem precisar esperar a aposentadoria. A pessoa que tem uma projeção consciente pode utilizar suas energias para auxiliar outras consciências durante o fenômeno.

Contato com amparadores: quanto maior a disposição em ajudar as demais consciências, maior a proximidade com os amparadores, sair do corpo estreita os laços com esses especialistas em assistência. Aproveitar essa oportunidade desde cedo amplia o nível de experiência da consciência a longo prazo;

Desvinculação de consciências assediadoras: sair do corpo e perceber quais as consciências desequilibradas se afinizam com a própria manifestação, possibilita que seja feito o desassédio o mais cedo possível, assistir as consciências e melhorar as próprias energias;

Ferramenta de autopesquisa: perceber o seu próprio temperamento fora do corpo predispõe que o jovem conheça seus traços força e traços fardo; 

Rememorações: a recuperação de memórias e medidas de lucidez que foram experimentadas em períodos extrafísicos e intrafísicos anteriores a atual vida humana que auxiliam na realização da programação existencial.

A antecipação saudável dessas escolhas do jovem pode assegurar maior satisfação e capacidade de ter autonomia na vida. Por consequência, quanto maior autonomia adquirida, em conjunto com o estudo da projeção consciente, maior liberdade a consciência tem para se manifestar com lucidez fora do corpo humano e aproveitar dos benefícios que essa experiência pode trazer.

Receba as novidades sobre inversão existencial em primeira mão!

Informações importante sobre a projeção consciente

As projeções não trazem riscos de morte;

Qualquer pessoa tem a capacidade anímica de se projetar;

Toda consciência pode aplicar técnicas projetivas para desenvolver a lucidez extrafísica;

Não é necessário, pelo contrário, é totalmente contraindicado o uso de substâncias químicas e alucinógenas para a prática da projeção consciente.

Fica a critério do leitor pesquisar, experimentar e ter suas próprias experiências para confirmar para si mesmo os fenômenos aqui descritos.

Convido os leitores interessados em aprofundar no estudo da projeção astral e na técnica da invéxis, ampliarem seu conhecimento a partir dos seguintes artigos: 

Viagem astral: você já vivenciou esse fenômeno? (Viagem astral: você já vivenciou esse fenômeno? – ASSINVÉXIS);

Experiência fora do corpo na juventude (Experiência fora do corpo na juventude – ASSINVÉXIS).

Referências:

  1. NONATO, Alexandre; Inversão Existencial: Autoconhecimento, Assistência e Evolução desde a Juventude; Associação Internacional Editares; Foz do Iguaçu, PR; 2011.
  2. VIEIRA, Waldo; Projeciologia: Panorama das Experiências da Consciência Fora do Corpo Humano; 10ª Ed.; Associação Internacional Editares; Foz do Iguaçu, PR; 2008. Disponível em: https://editares.org.br/livro/projeciologia-10a-edicao/.